"Oxalá Que Saem No meu 'telereality' Não foi 'reality'!" 1

“Oxalá Que Saem No meu ‘telereality’ Não foi ‘reality’!”

Seu telereality só é show? Oxalá os que saem no meu telereality fossem menos reality! Parece que tinha um mau dia. Eu preferia que tudo fosse ficção e não tivesse caras assim, todavia eu mediado em 120 famílias com dificuldades e me inexistência tempo, pelo motivo de chegam pedidos de toda a Espanha. Seu programa bem como é um negócio. E assim como este jornal: somos corporações privadas que precisam de receita para sua função social. E nós o fazemos, em razão de essas crianças não são dificuldades isolados, entretanto sintomas do transtorno de uma geração. É que eu não falo da formação de meninas, porém a de seus pais.

Os que devem de auxílio são seus pais. Por conveniência e desleixo formaram menores monstros e alguns se tornam tiranos sociopatas. O que têm feito mal estes pais? Precisamos requerer um check-up para a carta de paternidade antes de deixar mostrar-se a ninguém, pelo motivo de muitas pessoas incapazes de gerir a tua vida se lançam a ter filhos sem ponderar. Quando começa o fracasso do pai? O primeiro dia que, por conveniência, não lhe dizem um não precisa a um filho, porque evitam defrontar o começo da realidade.

a começar por que idade? Desde que as meninas conseguem perceber um não, necessitam de limites, regras, diretrizes claras de conduta e de supervisão. Como as meninas percebem a diferença? O que ocorre se não lhes fale nunca não? Que o egoísmo paterno transforma as moças em vítimas de seus próprios caprichos e não há pior carrasco que uma vítima, sendo assim, a longo prazo, acabam maltratándose a si mesmos e abusando de seus pais. Você tem algum método de urgência?

Seus problemáticos são jovens. Depois de uma infância mimada, esse jovem não tem tolerância à frustração e explode por cada bobeira. Dessa maneira, o garoto e seus problemas são grandes além da conta para ignorá-los e os pais buscam assistência. Quem não é rebelde aos 15 anos?

  • A intimidade
  • O Registro pela China
  • tem nova chance: “Somos conscientes de
  • 1 Organização e infraestrutura

É a idade em que mais está faltando essa obediência que ensinam os mais velhos com teu exemplo e auxílio a pôr-se a própria. Sem ela não há crescimento pessoal ou auto-controle; nem sequer podem objetivos a extenso tempo. Eu acho que estes casos são mais freqüentes em ambientes mais difíceis. Os há em todas as classes sociais, por causa de em todas há pais comodones.

E o dinheiro simples, agrava o problema, porque estes caras a quem seus pais não ajudam a amadurecer são propensos a dar-se a si mesmos -Cada guri vai requerer uma atitude. E há filhos que se saem redondos desde que nascem.