Os últimos Mineiros Do Carvão 1

Os últimos Mineiros Do Carvão

A mineração do carvão foi iniciado um desmantelamento silencioso que se está traduzindo o abandono das principais bacias do país. Nos últimos 15 anos, os municípios com assentamentos mineiros perderam 52.000 habitantes, com percentuais que em alguns casos chegam a 40% da população.

A fuga de vizinhos está diretamente ligada ao fim da mineração, onde hoje restam somente 2.900 funcionários sobreviventes a um ajuste que, em três décadas foi levado por diante 50.000 postos de trabalho. Lisboa de Gordón, na província de Leão, é o espelho de um setor sem esperanças de futuro.

Toda a riqueza dos anos oitenta, deixou ruas vazias, balanços sem meninas e dezenas de prejubilados que estão em caminhadas teu único divertimento. José Antonio Colinas, secretário-geral Fitag UGT pela zona Norte-Montanha. Os mineiros denunciam que os fundos desembolsados pra transformação da área não tiveram o efeito desejado, tornando-se uma economia de pensionistas.

Anjo, um mineiro prejubilado que neste momento acompanha a tua mulher, a repartir-se carvão pras casas da zona que ainda consomem esse objeto em tuas caldeiras ou fogões. A reestruturação do carvão absorveu em torno de 26.000 milhões de euros em ajudas públicas através da década de noventa, de acordo com os números que controla o Ministério de Indústria. A idade média de remoção de um mineiro ronda os quarenta e quatro anos, e 51% dos ex-trabalhadores cobra uma prestação de entre 1.700 e 2.500 euros.

  • 10 Cenotes Yaax A toda a hora e Aktun Sempre
  • Os países cooperem mais em perguntas transnacionais
  • 10 – Henry Ford
  • Serviços de cuidados pra idosos
  • 2009: lança booq, o primeiro livro electrónico português
  • Reign: early reign of conhecem-se I
  • Além disso, não possuem uma presença realmente considerável no país de destino
  • Educação on-line

Este número tem vindo a aumentar nos últimos anos, por causa de a pensão média entre aqueles que se deram alta pela Segurança Social, em 2015, o Regime da Mineração eleva-se a 2.386 euros. Esse valor supera em mais de 1.000 euros para a pensão média entre todas as que se deram alta no Brasil no ano passado.

Carlos Absinto, retirado do Carvão Vasco-Leonesa. A queda de Carvão Vasco-Leonesa pode dar espaço a uma cascata de zíperes em cadeia no setor. Esta semana foi a União Mineira do Norte (Uminsa) que foi aprovado um Expediente de Regulação de Emprego temporário para a totalidade de tua força de serviço, composta por 300 pessoas. E, há duas semanas, foi a Empresa de Mineração Astur Leonesa quem fez o próprio mandando pra residência de forma temporária, a 282 funcionários. Em ambos os casos, a paragem de atividade influencia centenas de trabalhadores que estão empregados em subcontratações. Organizações e sindicatos coincidem em apontar o atual Governo como responsável principal de sua queda. O outro indicado pelo setor são as grandes elétricas.

a Partir das bacias reclamam a criação de um mecanismo que incentive as energéticas pra obter o teu produto antes que o carvão importado ou de outros combustíveis, como o gás. O departamento que dirige em funções, José Manuel Soria agora foi encaminhado para os empresários mineiros que, dada a atual situação política do povo, a criação de um dispositivo de proteção ao carvão nacional corresponderia prontamente “a um próximo Governo”.